Medidas de Arroz • Como não falhar na quantidade necessária

Domingo, Janeiro 15, 2012

Apesar de fazer grande parte das receitas «a olho», sem me orientar por peso ou medidas, a confecção do arroz é regrada.
Confesso que, antes de ter a Bimby, o arroz cá de casa nem sempre saia bem: ou com muito molho ou excessivamente seco.
A Bimby veio, sem dúvida nenhuma, ajudar-me, e muito, a conseguir um arroz perfeito, bem ao nosso gosto.
Várias vezes aqui disse que a variedade preferida de arroz cá em casa é o Thai Jasmine, grande parte das receitas que apresento é feita com esta variedade, mas claro que depende do gosto de cada um, a confecção é praticamente igual para todas as variedades.

O meu truque para fazer a quantidade necessária para cada refeição é usar uma colher medidora, a minha é daquelas colheres que são oferta nas reuniões de Tupperware:

Uma colher destas cheia é a medida para uma pessoa cá de casa.
Claro que também depende do que cada um come.
Se quero fazer apenas arroz para uma refeição coloco quatro colheres destas cheias, se pretendo fazer uma quantidade maior para guardar para uma próxima refeição aumento.

Depois basta temperar a gosto.
Faço sempre um refogado antes de fazer o arroz.
Coloco um dente de alho e azeite no copo da Bimby. Por vezes junto também uma cebola pequena.
Trituro uns segundos e programo 7 min., vel. 1, temp. 100.
Obtém-se uma base para que o arroz fique mais apetitoso.
Junto depois o cesto da Bimby com o arroz lá dentro e com especiarias a gosto e sal, ou um caldo de tempero.

Coloca-se o cesto dentro do copo da Bimby e adiciona-se 800 gr. de água.
É muito importante referir sempre a quantidade de água que se deve utilizar no copo da Bimby.
Independentemente da quantidade de arroz a cozinhar a água necessária é sempre a mesma.
Nunca menos de 800 gr., pois ao cozinhar é preciso esta quantidade para que suba a água ao ferver e cozinhe o arroz, sem que saia do copo.
Se colocarem um litro de água o mais provável de acontecer é que, nos minutos finais da cozedura, a água transborde e saia fora do copo, sujando tudo à volta.
Programa-se então 12 min., vel. 4, temp. 100º para cozinhar o arroz.

Para diminuir o tempo de cozedura faz-se o seguinte truque: coloca-se água a aquecer no microondas enquanto a Bimby faz o refogado.
7 minutos é o bastante para a água ferver.
Ao juntar água a ferver para cozinhar o arroz reduz-se o tempo de cozedura, em 8 minutos cozinha perfeitamente.

Outro truque é fazer o arroz logo no início da receita, deixando-o depois dentro do copo a apurar enquanto se prepara o restante acompanhamento.
Neste caso reduz-se também o tempo de cozedura para 8-10 minutos.
Quanto termina de cozinhar mantém-se dentro do copo tapado e o vapor vai terminar de cozinhar o arroz enquanto, por exemplo, se grelha carne ou peixe.

Print Friendly, PDF & Email
0
21 Responses
  • Chicca
    Janeiro 15, 2012

    Luísa, desconhecia a existência dessas colheres medidoras da tupperware.
    Obrigada pelas dicas, sempre úteis.

    • Luisa Alexandra ♥
      Janeiro 16, 2012

      Chicca, estes utensílios costumam ser oferta nas reuniões de tupperware. São óptimas para se tirar açúcar, farinha, enfim, qualquer ingrediente sólido e até mesmo para líquidos serve. Não é especificamente uma colher medidora, eu é que a utilizo como medida pois o conteúdo que leva de arroz é o que uma pessoa cá de casa come.

  • MissB
    Janeiro 15, 2012

    Que belas dicas Luísa! Não há como errar agora! ;D Obrigada!

    Beijinhos e bom fim-de-semana!

  • Diogo Marques
    Janeiro 15, 2012

    Óptima dica, mesmo não tendo bimby 🙂

  • vanuza
    Janeiro 15, 2012

    Olá,
    óptima dica!
    Cá em casa eu também nunca erro na quantidade, mas não uso essa colher, uso a minha mão em forma de côncavo. Aqui 4 mãos também é o suficiente para não haver sobras.
    Adoro o seu blog.
    Bom domingo!

  • são33
    Janeiro 15, 2012

    CÁ EM CASA USO UMA TAÇA PARA MEDIR E DÁ SEMPRE CERTO.
    O MARIDO JÁ NÁ USA NADA FAZ A OLHO , E TEM A SORTE DE LHE SAIR SEMPRE BEM.
    BOM DOMINGO
    BJS

  • Xana
    Janeiro 15, 2012

    O arroz por acaso foi coisa que me saiu bem, uso aquela velha formula que a minha mãe me ensinou de 2 medidas de agua para uma de arroz. É de tal forma, que as minhas cobaias não gostam do arroz feito na bimby :). E costumo pôr 1 cháv. de chá para 2 pess.
    Essas medidas não conhecia, é realmente mto prático!!!

  • NATÉRCIA
    Janeiro 15, 2012

    Luisa, ficou perfeito o teu arroz como tudo o que fazes…um beijinho.

  • Carminha Lyra
    Janeiro 15, 2012

    Nossa! Arrasou no post. Super util.
    Bjs

  • lívia e lucia
    Janeiro 15, 2012

    Oi querida aqui em casa marido e eu fazemos a alho, mas as vezes…rsrsr, adorei a dica assim não tem como errar ótima noite de domingo bjs!

  • Tania
    Janeiro 15, 2012

    Ficou com muito bom aspecto, astante soltinho. Eu aprendi com a minha avó.. e ela sempre disse queo truque estava na quantidade de água. Tem de ser sempre o dobro do arroz. E tinha razão, sai sempre bem 😛

    *

  • Catarina Beltrão
    Janeiro 15, 2012

    …e eu hei-de ter uma medida dessas esquecidas algures numa gaveta. Está na hora de a procurar. Vou também seguir a dica para cozer o arroz em menos tempo (e menos tempo, significa poupança).Bjs.

  • Susana
    Janeiro 16, 2012

    Que boas dicas. Tenho umas colheres de medida iguais a essa, mas nunca usei para o arroz. Costumo usar uma caixinha redonda pequena da Tupperware, que dá quantidade para 2 pessoas. Vou experimentar usar a colher para ver se acerto mais na quantidade.
    Bjs!

  • Luisa Alexandra ♥
    Janeiro 16, 2012

    Obrigado a todos pelos vossos comentários!

  • Alcina
    Janeiro 16, 2012

    Pois é fazer arroz soltinho é quase uma ciência, cá em casa não me dou mal com o dobro da água para a quantidade de arroz e se o quiser soltinho é só comprar um arroz melhor, nem que seja agulha, mas eu para falar a verdade não sou fã de arroz branco nem muito soltinho ao contrário da maioria, um arroz desses para mim só se tiver um acompanhamento cheinho de molho :-)Claro que com uma bimby será muito melhor e fácil 🙂

  • Maria
    Janeiro 17, 2012

    Muito obrigada pelos conselhos. Nem imagina como me serão úteis. Tiro pouco partido da minha Bimby, o que, realmente, é uma pena. Utilizo-a como trituradora e pouco mais.
    Vou experimentar fazer o arroz. Mais uma vez, obrigada.
    Beijinhos da
    Maria

    • Luisa Alexandra ♥
      Fevereiro 4, 2012

      Maria, que crime!
      A Bimby é tão versátil que é uma pena dar tão pouco uso. Tens que começar a entusiasmar-te, a pesquisar tudo o que podes fazer com ela e estou certa que começarás a dar muito mais uso. Sempre que precisares de alguma sugestão podes contar comigo.

  • Sofia
    Fevereiro 3, 2012

    Vim aqui parar por acidente e estou a adorar! Tenho uma colher dessas que a minha mãe me ofereceu e vou começar a dar-lhe bom uso…Confesso que o arroz da bimby ultimamente fica demasiado seco, não sei se é da marca do arroz ou outro motivo, no dia que faço ainda o consigo comer, mas depois nem vale a pena guardar: fica intragável.
    Parabéns pelo seu blogue e pelo jeito que tem na cozinha (a minha avó costumava dizer "tem mão para a cozinha" 😉
    Bjinhos

    • Luisa Alexandra ♥
      Fevereiro 4, 2012

      Sofia, ainda bem que tiveste este "acidente" e encontras-te o meu blog!
      És muito bem-vinda!
      A colher é apenas uma ideia para medida, poderá utilizar-se um copo ou uma taça que sirva para nos orientarmos e sabermos que, seguindo aquela medida, o arroz é à conta, nem sobra nem falta.
      A questão de o arroz na Bimby ficar demasiado seco dá a entender que não utilizas a quantidade de água necessária, pelo menos os 800 grs.
      Será isso?
      Ou realmente a qualidade, ou a marca, de arroz que usas.
      Cá em casa por exemplo somos apreciadores do Thai Jasmine, mas se utilizar carolino ou agulha o arroz fica bom à mesma, não é tão apreciado mas come-se. Mas aqui é uma questão de gosto, de preferir um arroz mais leve e frutado como é o caso do thai jasmine.
      O que te sugiro é que sigas, por exemplo, esta receita que deixei. De fazer o refogado e depois colocar as 800 gr. de água e o arroz temperado. Os temperos que usamos são muito importantes. Por muito bom que seja a qualidade do arroz se não lhe deres o teu toque o sabor não será do teu agrado. Usa uma especiaria que gostes, junta raspa de limão ou de laranja, ou alho, ou cebola, enfim, o que mais gostes mas dá-lhe o teu toque. E depois conta-me o que achaste, sim?

  • Anónimo
    Junho 29, 2013

    Olá Luísa!

    Por curiosidade, a medida dessa colher medidora equivale a quantas gramas?
    pergunto porque o meu arroz (na bimby) sai sempre tipo pedra, muito seco e sem piada… quero melhorar!
    Obrigada!

    M. João

    • Luísa Alexandra
      Junho 30, 2013

      Maria João, cozendo o arroz na Bimby o importante é utilizar sempre mais de 800 gr. de água, independentemente da quantidade de arroz. Tem é que ser mais de 800 gr. de água para o arroz ficar bom.

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Por favor não copiar e nem usar as fotos sem a minha autorização. Obrigada.