Abóboras • Sugestões para usar em decoração

Sexta-feira, Setembro 26, 2014
Aboboras photo DSC00466.jpg
Gosto muito de Abóboras.
Todos os anos, por esta altura [fins de Setembro até Novembro] tenho abóboras cá por casa como decoração.
Sejam abóboras maiores, que depois utilizo nas minhas receitas, mas que são tão giras que as tenho um ou dois meses a decorar a casa quando começa o Outono, como já vos mostrei AQUI, ou estas abóboras mais pequenas, que são mesmo um mimo para decorar 🙂
A minha Tia Ilda, a quem deixo um grande beijinho de agradecimento, ofereceu-me a mim e à minha Mãe uma caixa enorme cheia destas abóboras pequenas, de diferentes tamanhos, de diferentes feitios, de diferentes cores, um atentado à imaginação pois com elas podemos fazer inúmeros arranjos decorativos, ou simplesmente colocá-las assim a decorar.
Hoje trago-vos algumas ideias do que fiz cá para casa e para casa dos meus Pais, mostrando que com coisas tão simples como abóboras se consegue decorar.
Sou apologista de aproveitar tudo o que se tem a jeito para decorar a casa.
Eu tenho conchas e seixos a decorar as casas-de-banho, uso ervas aromáticas como hortelã, manjericão, tomilho ou alfazema para colocar em pequenas jarras, aproveito as peças já partidas ou rachadas para fazer arranjos com abóboras, flores ou o que tenha para usar.
A taça que usei para fazer o arranjo cá em casa, este que mostro já nas primeiras fotos, está partida.
É uma peça já bastante antiga, que o meu marido tinha na loja à venda mas que se partiu numa extremidade. Apesar disso uso-a bastante.
Coloco-lhe um pano a tapar a parte partida, ou uma fita, ou algo que tape a parte mais estragada, e depois uso-a normalmente para decorar, como podem ver nestas fotos:
Aboboras photo DSC00459.jpg

As abóboras são verdadeiras, as folhas são apenas decorativas e dão um toque muito bonito ao arranjo, pois podem usar-se de variadas maneiras e ficam muito bem assim misturadas com as abóboras.

Aboboras photo DSC00461.jpg
Aboboras photo DSC00462.jpg
Aboboras photo DSC00463.jpg
Aboboras photo DSC00464.jpg
Aboboras photo DSC00465.jpg

Estas fotos abaixo são das decorações que fiz em casa dos meus Pais.
A travessa que usei também está partida na pega, mas disfarcei esse pequeno “problema” com um pano, que cobriu a parte partida.
Para este arranjo usei ramos de louro fresco, que apanhei no loureiro que existe em casa dos meus Pais e que além de decorar ainda deixa um aroma fantástico.
Aboboras photo IMG_4233.jpg
Aboboras photo IMG_4234.jpg
 photo IMG_4235.jpg

Este outro arranjo foi feito num prato de pé alto, que foi herança de uma das minhas Bisavós maternas. Ainda está em casa dos meus Pais mas assim que a nossa casa estiver pronta e eu tiver mais espaço já arranjo maneira de o levar comigo pois é uma peça linda e muito vintage.
Também tem uma racha que se disfarça bem colocando assim as abóboras 🙂

Aboboras photo IMG_4236.jpg
Aboboras photo IMG_4237.jpg

Com coisas que temos em casa, que nem sempre estão em condições mas que com pequenos truques se conseguem aproveitar na decoração, conseguimos variar sempre.
Eu adoro mudar as decorações cá por casa.
Acreditem que são poucas as peças que tenho em minha casa que estejam perfeitas.
Grande parte delas são peças partidas, é mesmo verdade!
Tenho muitas peças que a minha Avó me deu, pois sabe que eu adoro peças antigas e como sou a única Neta beneficio de certos “privilégios” deste tipo 🙂
Outras são peças que o meu marido tinha à venda na loja e que, por algum acidente ou descuido, são partidas ou não estão em condições de estarem à venda, então eu trago-as para casa, uso super-cola para colar o necessário, tintas para disfarçar a parte partida e depois, quando são partes que não dá para restaurar, uso panos, rendas ou outros artefactos que cubram o defeito.
Todas, mas mesmo todas, as molduras que tenho cá em casa tem algum defeito.
Isto é a realidade e não tenho nenhum problema em o assumir.
Ou não tem parte de trás e estão seguras com alguma peça, ou falta-lhes alguma coisa. Mas garanto-vos que se as virem à primeira vista não lhes encontram o defeito, basta saber disfarçar as coisas.
As imagens, maioritariamente religiosas ou anjos, ou lhes faltam os dedos, ou os pés, ou estão cascadas na pintura, no entanto aproveito-as todas e todos os dias gosto muito de as ver a decorar a nossa casa.
O post está longo, e o propósito dele é apenas para que olhem para o que tem em vossa casa.
Inveja-se com facilidade o que os outros possuem, quando muitas das vezes não se dá valor ao que nós próprios temos.
Há que saber valorizar o que se tem, o que se consegue ter, o que nos ofereceram.
Só assim nos vamos sentir pessoas realizadas e felizes 🙂

Aboboras photo IMG_4238.jpg
Segue-me:
FACEBOOK  |   YOUTUBE  |   INSTAGRAM  |   PINTEREST  |   TWITTER  |   GOOGLE+
Print Friendly, PDF & Email
0
2 Responses
  • Raquel Alabaça
    Setembro 26, 2014

    Estão bem giros, Outonais! Neste aspecto devíamos ser mais como os noruegueses ou suecos e aproveitar o que a natureza nos dá.

  • Avelã
    Setembro 30, 2014

    Ficam mesmo giras 🙂 Tens um jeitinho especial para isto, não? 🙂

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Por favor não copiar e nem usar as fotos sem a minha autorização. Obrigada.