Bolo de Laranja [Bimby] e umas dicas sobre bolos

Sexta-feira, Julho 8, 2016

P1040406

 

Tenho imensos posts por publicar!

Sempre que consigo faço os meus rascunhos de posts, geralmente uma vez por semana, deixo as receitas por escrito, as foros prontas a publicar, tudo arranjadinho para a publicação, depois agendo os posts ao longo de uma ou duas semanas.

Acontece com frequência chegar ao blog de manhã e ver a publicação agendada e ficar a pensar: mas eu já cozinhei isto há tanto tempo!!!!

É verdade, as receitas que por aqui publico não são feitas de véspera, nunca me seria possível tal coisa pois eu tenho o meu emprego, estou ocupada a maior parte do dia e para quem não sabe orientar um blog tem a sua dose de trabalho!

Não pensem que é só aqui chegar, descarregar a foto, escrever a receita e está pronto!

Nada disso.

Eu gosto sempre de vos deixar uma palavras de introdução, como que uma explicação da receita, por que a fiz, se foi do nosso agrado, mostrar os produtos que usei para essa receita… enfim, não é só “despejar” a receita e pronto, eu acho que há que ter um cuidado e um carinho com quem me lê 🙂

Afinal se não estiver ninguém aí desse lado para que estarei eu aqui a escrever?

E gosto também sempre de saber a vossa opinião, acreditem que me dá imenso prazer quando me deixam comentários a dizer que experimentaram, que fizeram as receitas que sugeri, é esse o propósito de aqui estar a partilhar!

Por isso mesmo só tenho a agradecer a todos vocês que, diariamente, aqui vem.

Que estão sempre aí desse lado, que me ajudam quando preciso, que me deixam opiniões, sugestões ou simplesmente uma palavra de apreço.

Este bolo é para todos vocês 🙂

Obrigada por estarem aí!

 

Ingredientes:

| 4 Ovos

| 130 gr. de Açúcar

| 1 Laranja [raspa e sumo]

| 70 gr. de Óleo de Girassol

| 200 gr. de Farinha de Trigo [sem fermento]

| 1 colher [de sobremesa] de Fermento em Pó

 

Preparação:

No copo da Bimby coloca-se a casca da laranja.

Tritura-se durante 30 segundos subindo a velocidade 3-5-7-10 até ficar bem triturada.

Encaixa-se a borboleta nas lâminas.

Adiciona-se os ovos inteiros e o açúcar.

Programa-se 4 minutos, vel. 4, temp. 37º.

Depois mais 4 min., vel. 4 [sem temperatura].

Retira-se a borboleta.

Junta-se então o óleo, o sumo da laranja, a farinha e o fermento.

Mistura-se 15 seg., vel. 3.

Transfere-se para uma forma previamente untada e polvilhada.

Leva-se a forno pré aquecido a 200º até cozinhar a gosto.

Fazendo o teste do palito deve retirar-se assim que este sair seco.

Desenforma-se e serve-se simples ou com fruta e iogurte a acompanhar, como foi o caso.

 

P1040405

 

P1040407

 

Aproveito a ocasião para vos deixar algumas dicas relativamente aos bolos que faço na Bimby.

Evidentemente que cada pessoa tem a sua mania de fazer as coisas, eu explico a minha 🙂

 

• Bato os ovos inteiros com o açúcar, com a borboleta colocada. O tempo que seleciono depende da quantidade de ovos que uso. Um minuto por casa ovo. Ou seja, um bolo que leve 3 ovos programo 3 minutos, um bolo que leve 4 ovos programo 4 minutos. Primeiro programo o tempo + temp. 37º + velocidade 4. Depois novamente o mesmo tempo + velocidade 4, sem temperatura. Os primeiros minutos na velocidade 4, com temperatura de 37º, irão fazer com que os ovos cresçam e fiquem bem espumosos, os restantes minutos sem temperatura irá fazer com que a mistura arrefeça e deixe os bolos bem fofos.

 

• Depois de bater os ovos costumo tirar a borboleta. Ao adicionar os restantes ingredientes a massa começa a ficar mais pesada e a borboleta até começa a empatar. A borboleta a bater os ovos ajuda a que cresçam, depois com os restantes ingredientes já não tem nenhum benefício, por isso eu retiro.

 

• Se um bolo levar raspa de laranja ou de limão eu gosto de a pulverizar logo no início da receita, porque o copo e a lâmina estão bem limpos e secos e com facilidade pulverizam. Pode também simplesmente usar-se um ralador e ralar a casca.

 

• Prefiro usar farinha sem fermento e adicionar depois fermento em pó. Quando uso farinha com fermento não coloco fermento à parte. A utilização de farinha com fermento + fermento em pó tem o efeito contrário, ou seja fermento a mais faz com que o bolo não cresça e fique enqueijado.

 

• A primeira coisa que faço ao começar um bolo é ligar o forno. Geralmente nos 200º. Até a massa estar batida o forno ainda não atingiu essa temperatura, mas eu coloco logo no forno assim que termino se amassar. Vou sempre verificando e, assim que faço o teste do palito e este sai seco, retiro logo. Não se deve abrir o forno enquanto o bolo cozinha, só quando já está cozido, ou pelo menos passados os primeiros 15 minutos. Mas cada forno é diferente! Por exemplo em casa dos meus Pais tenho que colocar no máximo a 190º senão os bolos queimam. Por isso regulem-se sempre pela vossa experiência com o forno que estão a usar.

 

• Quando retiro o bolo do forno coloco a forma sobre uma grelha e deixo arrefecer uns 5 a 10 minutos. Depois abano a forma de modo a “despegar” o bolo das laterais, se por algum motivo estiver agarrado passo suavemente com uma faca para despegar. Desenformo em seguida. Unto sempre com margarina, bem untado, e depois polvilho com farinha até a forma ficar toda branca. Isto em formas de metal. Se usar formas de silicone não as unto mas passo-as por água antes de colocar a massa lá dentro. No caso das formas de silicone só se desenforma depois de frio, este aspecto é muito importante.

 

Alguma dúvida que tenham ficado, por favor digam 🙂

 


Fotos: Panasonic Lumix DMC-TZ70EG-K

Print Friendly, PDF & Email
13
43 Responses
  • O diário da Inês
    Julho 8, 2016

    Obrigada pelas dicas! 🙂 O bolo ficou tão amarelinho, bem apetitoso! 🙂

    O diário da Inês | Facebook | Instagram

  • s. fernandes
    Julho 8, 2016

    Bom dia!
    Muito uteis estas dicas. Mas tenho uma outra dúvida. Quando é que se deve tirar o copinho? Já vi receitas em que dizem mesmo para não colocar o copo mas outras não referem nada.
    Obrigada.

    • Luísa Alexandra
      Julho 8, 2016

      Eu mantenho sempre o copinho. Quando a borboleta está colocada ele fica com a abertura para baixo, de modo a que a parte de cima da borboleta fique dentro do copinho, deste modo entra mais ar no copo da Bimby e os ovos, ao serem batidos, ficam mais fofos. Quando se tira a borboleta coloca-se o copinho com a abertura para cima, ou seja assim fica o copo mais fechado, não entra tanto o ar.

  • Joana Claro
    Julho 8, 2016

    Também prefiro a farinha sem fermento, já me aconteceu não ter, usar farinha com fermento e ainda pôr fermento e o bolo não cresceu praticamente nada!! Fazendo e aprendendo!
    Boas dicas Luísa!!
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/

  • Ana Casinha
    Julho 8, 2016

    O bolo é muito apreciado aqui por estes lados, gostamos de bolinhos assim 🙂 O post é uma boa ajuda, são sempre dicas que dão jeito ter à mão!

    Obrigada pelo tempo que nos dedica! 🙂 Já sabe que adoro o blogue, e acho fantástica a sua dedicação!

    Beijinhos

    Ana

  • Sandra Rosa
    Julho 8, 2016

    Obrigada pelas suas dicas, o bolo parece-me delicioso !
    Vou experimentar usar farinha sem fermento, para ver as diferenças, já agora qual a marca que usa?
    Obrigada beijinhos 😀

    • Luísa Alexandra
      Julho 8, 2016

      De momento a que tenho em casa é da maca Continente, mas utilizo igualmente a do Pingo Doce. Gosto muito de ambas.

      • Sandra Rosa
        Julho 11, 2016

        Obrigada, beijinhos 😀

  • Ana G. Neves
    Julho 8, 2016

    O bolo ficou lindo!!!
    Adoro bolos de laranja 🙂
    Beijinho

    Recanto com Tempero
    http://recantocomtempero.blogspot.pt/

  • Rosi Silva
    Julho 8, 2016

    Hummm deu até água na boca.Vou experimentar. Obrigada pela receita e pelas dicas.

  • daniela assumpção francisco
    Julho 8, 2016

    Por isso venho aqui há tantos anos. Não gosto nada destes blogs que realmente só “despejam” a receita. Gosto imenso das tuas palavras e do dia a dia da sua casa. Continue assim, beijos!

  • M. Natália
    Julho 8, 2016

    Gosto muito das duas receitas e das opiniões. Obrigada, força continue.

  • Liz Martins
    Julho 8, 2016

    O bolo de laranja e as palavras, sempre simpáticas, da Luisa Alexandra. Gosto das receitas e de ler o que escreve.

    Não tendo bimby, como posso fazer este bolo de aspecto delicioso.

    Beijo.

  • Raquel Alabaça
    Julho 8, 2016

    Que bem que sabe um bolo de laranja simples! Adoro!
    Diz lá que não mais rápido fazer um bolo do que às vezes publicar aqui uma receita ? 😉

    • Luísa Alexandra
      Julho 8, 2016

      Podes crer que sim! Só quem tem blog é que sabe o trabalho que dá!

  • lia
    Julho 8, 2016

    Olá Luisa,
    Eu também costumo agendar os posts para 1 ou 2 semanas, e depois relaxo, mas há alturas, como agora, que não tenho quase nada, pois os posts que tinha agendados, já ficaram fora de estação, lol.
    Adoro bolo de laranja ou de qualquer outro citrino e embora os faça de modo tradicional, pois não tenho Bimby, os métodos acabam por ser os mesmos.
    Um beijinho e bom fim de semana,
    Lia

  • Catarina Beltrão
    Julho 8, 2016

    Estou sempre a aprender com este blog. Por isso o visito há tantos anos.
    Um beijinho.

  • Paula Silva
    Julho 8, 2016

    Olá, agora percebo porquê é que os meus bolos ficam “enqueijados” como diz, (nem sempre acontece mas será a dose que coloco) uso farinha com fermento e ainda coloco mais fermento 😞. Obrigada pelas dicas

  • Sara
    Julho 9, 2016

    Olá!obrigada pelas suas dicas para fazer os bolos…mas fiquei com uma duvida em relação aos tempos de bater os ovos…se tiver 3 ovos faz; 3min, 37 ; vel 4 e depois 3min; 0; vel 4 ou faz 1min;37; vel 4 e depois 2min; 0; vel 4?obrigada

  • Tânia Carriço
    Julho 11, 2016

    Ficou maravilhoso… e sempre com umas dicas fantásticas ..

  • Mónica Alexandra da Silva Teixeira
    Outubro 19, 2016

    Obrigada, Luísa.
    Tem dicas fantásticas e as receitas nem se falam…..

    Bjinhos

  • Soraia Santos
    Fevereiro 17, 2017

    Boa noite Luísa Alexandra 🙂 que dicas fantásticas!! Muito obrigada 😀 adoro as suas receitas.. cada vez que sai uma nova, recebo sempre a notificação 😉 Beijinho*

  • Luisa Pinheiro
    Março 22, 2017

    Gosto muito das suas receitas!!! Hoje aprendi umas coisas com as suas dicas!!! Obg muito sucesso.

    Vou ver se tenho força pra fazer este bolinho, sai à 5 dias de fazer uma cirurgia delicada ao fígado!! Mas estou desconsolada e isto não deve fazer mal a ninguém!

    Bjs

    Luisa Pinheiro

  • Dedé
    Novembro 27, 2017

    você é muito legal

  • Isabel Machado
    Fevereiro 8, 2018

    Olá, os meus bolos na Bimby não me correm muito bem 🙁 à exceção da delicia de chocolate que fica sempre deliciosa.
    Fiz hoje o bolo de limão, vamos ver como está quando arrefecer totalmente, já provei e está bom de sabor, mas não ficou mt bonito e tenho receio que esteja um pouco enqueijado não sei…
    Fiz em forma de silicone e só esperei uns 10 15 min para desenformar!
    Quando abro o forno estão bonitos tiro do forno e mirram! Isto não me acontecia quando fazia de forma tradicional 🙁 o que será que faço mal?

    • Luísa Alexandra
      Fevereiro 8, 2018

      Isabel o facto de os bolos abaterem tem maioritariamente a ver com o forno e não com o robot de cozinha que se usa. Deves cozer a uma temperatura entre os 180 e os 200º [depende muito dos fornos] e assim que estiver cozido deves retirar do forno. Se usas forma de silicone só o deves desenformar depois de frio, senão pode partir ou ficar todo agarrado à forma.

      • Fernanda Carmo
        Maio 20, 2018

        Olá Luísa,

        Hoje estou a experimentar a sua receita, mas usei farinha de esperta e farinha de trigo integral. Tem experiência nesta farinhas alternativas e mais saudáveis?
        Vamos ver como fica. Bjs

        • Luísa Alexandra
          Maio 21, 2018

          Fernanda os bolos com farinha integral costumam ficar um pouco mais secos, mas ficam bons.

  • Fernanda Carmo
    Maio 20, 2018

    Olá Luísa,
    Também costumo seguir as suas dicas, mas nem sempre o resultado é o mesmo que o seu. Em relação aos bolos, os meus também não saem muito bem. O meu forno tem a função resistência por baixo e por cima e a função ventilação, como coze os seus bolos? Eu coloco a forma em cima da rede, no 2 nível e a Luísa como faz?
    A maioria das vezes é uma desilusão faço a receita tal como está mas saem mal, já me dizerem que pode ser do forno….Vamos ver hoje… depois logo digo bjs

    • Fernanda Carmo
      Maio 20, 2018

      Pois desta vez saiu muito bom. Usei farinha integral e de esperta e óleo de coco de resto segui a sua receita. Obrigada pelas dicas bjs

    • Luísa Alexandra
      Maio 21, 2018

      Pela minha experiência acho mesmo que o forno é um dos principais influenciadores dos bolos ficarem bem ou mal cozidos. O bolo deve cozinhar no centro do forno, com a função resistência de cima e de baixo ou com ventoinha com resistência de cima e de baixo, a cerca de 190º. Mas depende sempre do forno, por exemplo em minha casa coloco o forno a 190º ou a 200º, em casa da minha Mãe já tenho que colocar no máximo a 190º senão ficam queimados por cima…

  • Elsa Macieira
    Fevereiro 8, 2019

    Boa noite Luisa
    Tenho uma Bimby há mais de 6 anos e contam-se pelos dedos as vezes que a utilizei
    Sempre disse que eu era “mais tachos”…e que nāo me entendia com a máquina
    Há dias fiz um pāo( amassei) e saiu uma maravilha
    Hoje fiz um bolo de laranja e está delicioso
    O truque de bater os ovos a 37o é óptimo…e todas as dicas que nos dá sâo 5*
    De alguém que durante uma vida sempre usou tachos….um grande obrigada pela sua vontade em ensinar e ajudar😘

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *