Lenha para Aquecimento e Carrinho para Lenha

Terça-feira, Outubro 18, 2016

img_7601

 

Este ano um pouco mais tarde do que o ano passado, mas finalmente temos toda a lenha armazenada e pronta a ser usada!

Não sabíamos ao certo que quantidade se iria gastar no recuperador cá de casa, é bem grande e consome bastante lenha, em contrapartida também aquece imenso 🙂

Eu e o meu marido somos daquele tipo de pessoas que gosta de ver uma lareira acesa, não é ali um tronco pequenino a deitar fumo, é mesmo a queimar e a iluminar a sala inteira, por isso é normal que se gaste bastante lenha. Ou é ou não é 🙂

Bem, o ano passado comprámos quatro mil quilos de sobro, que foi mesmo à justa para o que se gastou. Confesso que exagerei um pouco, andava com aquela excitação de ser o primeiro Inverno que passávamos nesta casa, acendia a lareira todos os dias à tardinha, quando chegava a casa era logo a primeira coisa que fazia e aos fins de semana estava acesa o dia inteiro, desde manhã. Aos Domingos à tarde por vezes já tínhamos que andar só de manga curta porque a casa estava tão quente que já se tinha calor, isto em pleno Inverno, por isso como vêem tinha mesmo que gastar bastante lenha 🙂

Este ano o meu marido encomendou também 4.000 quilos de sobro e ainda mais mil quilos de uns toros pequenos de oliveira [aparecem no lado esquerdo da primeira imagem].

Para lembrança futura o sobro foi a 0,12 o quilo e a oliveira a 0,08.

Por cada tonelada que se compre o vendedor oferece um saco de lenha miúda, ideal para atear a fogueira.

O ano passado, como estávamos ainda a conhecer os cantos à casa, arrumámos a lenha na garagem.

Foi a pior coisa que se fez… a nossa garagem tem acesso directo à casa, ou seja eu entro na garagem e basta abrir uma porta para estar numa divisão que me dá logo acesso a casa, todo pelo interior.

A lenha vinha cheia de uns bichos pequenos que pareciam pulgas e que saltavam da lenha com o calor, na altura eu lembro-me que comprámos a lenha mais cedo e acho que em Setembro já a tínhamos arrumada, a garagem é baixa e aquece imenso, era horrível! Nunca mais na vida coloco lenha dentro da garagem. Houve semanas em que nem sequer colocava o carro na garagem com tanto bicho que saía da lenha, nunca tinha visto uma coisa assim… por isso este ano tivémos que mudar de estratégia.

As coisas ainda não estão completamente prontas, mas decidimos mandar fazer uma casa de madeira no terreno ao lado de casa. É um terreno enorme, em bruto, onde só temos árvores e terra com fartura. Mas está todo murado juntamente à casa e tem muito fácil acesso tanto para descarregar assim lenha, pois temos um portão na outra extremidade do terreno, como para depois transportar a lenha para casa pelas traseiras.

A casa ficou mesmo junto às traseiras da garagem, pelo que se torna bem prática para guardar assim tudo o que suje.

A lenha já está toda arrumada, como podem ver, e o espaço tem capacidade para levar muito mais quantidade.

Por aqui, certamente em todo o lado assim é, quanto mais quantidade de lenha se compra mais barata fica. É preciso é comprar uma qualidade que seja boa.

A lenha de sobro queima muito bem e não estala nem faz muito lixo depois de queimada, por estas zonas é a mais consumida.

 

p1060264

p1060265

 

Além do sobro e oliveira temos ainda pequenas tábuas de palettes, assim cortadas em pedaços pequenos, que uso bastante para a churrasqueira.

Na Tipografia recebemos as resmas de papel em palettes de madeira, pelo que temos sempre várias que dão imenso jeito para atear a fogueira. O chato é os pregos que trazem, mas basta ter cuidado e tirar os que se conseguem.

Sempre que tenho baldes estragados, ou porque se partiu a pega ou porque se romperam, guardo para depois colocar assim a lenha miúda, este ano até tive que usar os vasos grandes para a colocar e caixas de plástico porque depois de tudo arrumado rendeu mesmo imenso!

 

p1060266

p1060267

 

Agora que já está tudo arrumado no devido lugar o meu marido ficou com vontade de montar o carrinho para a lenha que comprou já há alguns meses 🙂

Eu acho que foi no início do Verão que vimos em promoção este carrinho no BricoMarché em Ourém, se não estou em erro custou 120 euros, mas sei que havia um mais pequeno que custava 85 euros. Valores em promoção, não sei se ainda se encontram à venda…

Esteve guardado na garagem durante meses, e agora depois de ver tanta lenha deu-lhe a vontade de o montar 🙂

O carro é super giro, parece um pequeno atrelado. E tem ainda uma cobertura impermeável que impede os pedaços pequenos de lenha de caírem e sujarem o chão. Eu dou muito valor assim a estes pequenos pormenores, só quem limpa as coisas é que sabe o que estas coisas ajudam!

 

p1060257

 

p1060258

 

p1060259

 

Bem, o Bartolomeu Júnior já inspeccionou o material, certificou-se que estava tudo conforme as regras de segurança e agora está pronto a usar 🙂

 

p1060260

 

p1060261

 

p1060262

 

p1060263

 

🙂

E agora contem-me lá, costumam comprar lenha de que tipo?

E que quantidades?

Gostam de comprar lenha apenas para um ano ou preferem investir e comprar uma quantidade maior que dê para dois ou três anos?

 


Fotos: Iphone e Panasonic Lumix DMC-TZ70EG-K

 

Print Friendly, PDF & Email
16
7 Responses
  • Vânia Silva Couto
    Outubro 18, 2016

    Bem Luísa! Trabalhando eu na área dos equipamentos de aquecimento e Limpeza de Chaminés, não podia deixar de comentar 🙂 se adoro a sua partilha gastronómica, não fica atrás a admiração que tenho pela sua capacidade de organização e limpeza! Adoro as dicas que dá nesse sentido 😉
    E queria dar-lhe os parabéns pelo excelente uso que faz do seu recuperador! É que ter um bom equipamento não chega, se depois lhe põem uma cavaca a arder…
    Nós também costumávamos comprar à tonelada, apesar de ter sido muitas vezes presenteada com lenha verde ou húmida… Entretanto, instalamos uma caldeira a pellets e confesso que estou rendida (mais económica, mais limpa e prática e maior eficiência de aquecimento). Mas mesmo assim, não deixamos de acender o Recuperador aos fins de semana, porque um aconchego visual é muito bom 😉
    Beijinhos

    • Luísa Alexandra
      Outubro 18, 2016

      Obrigada Vânia 🙂
      O problema de comprar grandes quantidades é mesmo esse, se a lenha não for boa… Tenho conhecimento de casos assim… A pessoa a quem compramos regularmente a lenha tem matéria prima de qualidade, nunca tivemos razão de queixa, mas tudo pode acontecer, não é?
      Os meus Pais compram sempre quantidades maiores, que dão para três anos mais ou menos, mas eles tem imenso sítio para a guardar. Agora nós também temos com estes melhoramentos que fizémos, mas até que ponto compensa? A ver vamos, para já ficamos com estes 5000 kilos, para o ano talvez experimentemos duplicar ou triplicar a quantidade para testar pois realmente fica mais barata ao kilo. Beijinhos!

  • Anita Fernandes
    Outubro 18, 2016

    Olá Luisa a casinha é fantástica, nós aqui pela Guarda gastamos lenha de carvalho e de azinho, também aquece bem e rende bastante, pois frio aqui não falta . Bjs e boa semana.

  • Anabela Lopes Ribeiro
    Outubro 18, 2016

    Olá Luísa,
    Eu também adoro acender a lareira e todos os dias ao fim da tarde acendo, mas não gasto nem metade dessa quantidade que referiu. Nós gastamos lenha de azinho. É certo que o meu recuperador não é dos maiores mas também coloco sempre bastante lenha, além disso, tenho sempre o piso radiante ligado o que torna o ambiente quente – a lareira acaba por ser mais efeito visual eheh

    • Luísa Alexandra
      Outubro 18, 2016

      Anabela o nosso recuperador de calor tem caldeira, aquece também a água para o piso radiante.

      • Anabela Lopes Ribeiro
        Outubro 19, 2016

        Ah ok então por isso é que fica mais calor… O meu piso é eléctrico.

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *