Empadão de Peixe com Puré de Batata e de Ervilhas

Terça-feira, Setembro 5, 2017

 

Decidir todos os dias o que cozinhar é uma tarefa ingrata pois nunca se consegue agradar a todos.

E também existem dias em que se está com imensa inspiração e as ideias fluem com naturalidade, mas outros dias nem sequer apetece cozinhar e por isso torna-se muito mais difícil decidir o que preparar.

Eu não gosto de decidir com muita antecedência o que cozinhar, prefiro olhar primeiro para o que tenho disponível ou enquanto estou no supermercado, talho ou peixaria ver o que há que me agrade e depois então decidir o que preparar com os ingredientes que tenho.

Não é segredo que o congelador cá de casa está sempre abastecido com os produtos Pescanova, há muitos e muitos anos que os consumo e gosto bastante.

Ganhei esta mania com a minha Mãe, cujo congelador está ainda mais bem abastecido que o meu!

Num destes dias saímos as duas para uma consulta que ela teve e chegámos a casa perto da hora de almoço.

Abriu-se o congelador e logo se decidiu o que seria o almoço: um empadão de peixe.

Foi preparado com várias coisas que havia lá por casa, como vos explico em seguida..

 

Ingredientes:

| 1 embalagem de Mimos de Pescada do Cabo, da Pescanova

| 1 Delícia do Mar em forma de Lagosta, da Pescanova

| 1 Cebola pequena

| 1 dente de Alho

| 1/2 Alho Francês

| 1 Cenoura

| Salsa

| Azeite

| 1 Caldo de Tempero de Peixe

 

| Batatas

| Ervilhas

| Queijo ralado

 

 

Preparação:

Começa-se por preparar o puré, colocando as batatas a cozer até ficarem bem tenras.

Escorrem-se e trituram-se até ficarem em puré.

Havia também ervilhas cozidas, sobra de outra refeição, que foram trituradas am mesmo tempo que as batatas, por isso o puré ficou verde.

 

Num tacho coloca-se um pouco de azeite, a cebola picada, o dente de alho picado, o alho francês cortado em rodelas finas e a cenoura ralada ou cortada em pedaços pequenos.

Quando começar a estalar adiciona-se o peixe, tapa-se e deixa-se cozinhar.

Estando tapado vai suando e ganhando molho, mas se acharem que é necessário pode adicionar-se um pouco de água [não costuma ser preciso….].

 

 

 

Tempera-se com um caldo de peixe ou com flor de sal.

No congelador estava também uma delícia do mar em forma de Lagosta, que se triturou e juntou ao peixe.

Com uma colher vai-se partindo o peixe até ficar em pedaços pequenos, assim que começa a cozinhar parte-se com muita facilidade.

Rectificam-se os temperos, pode ainda juntar-se noz moscada, pimenta a gosto ou salsa ou coentros.

 

Num pirex de forno coloca-se uma camada do puré de batata e ervilhas, depois o preparado de peixe e o restante puré.

Polvilha-se a gosto com queijo.

Leva-se a forno pré aquecido a 200º até o queijo derreter.

 

 

Serve-se com uma boa salada.

Fica delicioso!

 

Print Friendly, PDF & Email
2
3 Responses

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Por favor não copiar e nem usar as fotos sem a minha autorização. Obrigada.