Natal 2017

Sexta-feira, Dezembro 29, 2017

 

A semana entre o Natal e o Ano Novo é sempre “estranha”.

Parece que os dias são diferentes de todos os outros, cheios de preguiça, muito cansaço para quem organizou o Natal em sua casa e teve que preparar tudo, e depois ainda por cima limpar 🙂 muita alegria das crianças que tem agora os seus brinquedos novos para se entreter.

E este tempo de chuva e frio vem tornar as coisas ainda mais natalícias.

A mim apetece estar em casa o dia inteiro, mas isso não é de estranhar pois eu sou uma pessoa que adora estar em casa, mas nestes dias mais ainda. Infelizmente tal não é possível pois o trabalho precisa ser feito. Bem, mas o post de hoje não é acerca desta semana, mas sim para vos mostrar um pouco do que foi o Natal cá de casa.

Este ano calhou ser passado em nossa casa, no dia 24 de Dezembro. A noite de consoada é sempre passada na companhia da família do meu marido, jantamos sempre juntos, um ano em casa de cada um. Este ano foi em nossa casa. Depois o almoço do dia 25 é tradição ser em casa dos meus Pais, com a minha parte da família.

Só tirei mesmo fotos em minha casa, pois no dia de Natal estava tão cansada, mas tão cansada que nem disposição para tirar fotos tinha! 🙂

Ter que organizar, cozinhar, e ainda por cima depois de tudo limpar é uma trabalheira que só mesmo quem tem que o fazer é que sabe. E eu este ano não estou com a melhor das disposições, muito pelo contrário, ando numa fase em que tudo me irrita [espero que passe rápido…] e o espírito natalício que é costume eu ter não esteve nos seus melhores dias. Enfim, há coisas que não se conseguem explicar. Eu quando ando contente nota-se bem, mas quando ando triste ou cansada também se nota bastante, e foi o caso.

Não deixei nada por fazer, muito pelo contrário, mas não posso dizer que tive aquele gosto do costume a preparar as coisas… este ano tal não aconteceu.

Bem, vou mostrar então a decoração bem simples que fiz na mesa. Além da família do meu marido, os meus Pais vieram também passar a noite de Consoada connosco.

Preparei uma mesa para os adultos e outra para as crianças:

 

 

 

 

Logo à entrada da sala coloquei duas mesas pequenas, uma onde se colocaram as sobremesas e outra com entradas e petiscos vários:

 

 

Usei pequenos ramos de alecrim e do nosso medronheiro. Lavei-os bem e coloquei nas mesas como decoração:

 

 

 

Na foto abaixo vêem-se algumas das sobremesas que tivemos: arroz doce, velhoses, pudim Abade de Priscos, pudim de amêndoa, biscoitos de amêndoa, croissants simples [doces], doce de tomate caseiro, pão de ló com calda de coco. Houve ainda bolo rainha e doce de mousse de chocolate e natas.

 

 

Para o jantar este ano optámos por preparar grelhados de carne, bacalhau com natas e ainda o tradicional bacalhau cozido com batatas e couves.

Ao fundo da foto vê-se ainda patê de delícias do mar e guacamole.

 

 

Espero que todos os que me lêem tenham tido um Feliz Natal na companhia de quem mais amam.

Este ano sentimos muito a falta da minha Avó Mariana, a magia do Natal não conseguiu, nem nunca irá conseguir, preencher esse vazio…

 

Print Friendly, PDF & Email
19
18 Responses
  • anabela
    Dezembro 29, 2017

    Querida Luísa,
    Acho que não há nada que preencha uma perda.
    Perdi a minha mãe há 2 anos, e no entanto quando falo com outros que perderam alguém há 20, 40 anos, a sensação é a mesma.
    O que nos salva é acreditar que estão sempre connosco. Mas a saudade é tramada.

    Um santo natal!

    Beijinhos
    Bela

  • Susana Ramos
    Dezembro 29, 2017

    Parabéns Luísa. Estava tudo fantástico!!
    Por aqui o cansaço tb foi demais. Há alguns anos que começamos a fazer a noite de natal e o dia na mesma casa. Este ano foi na minha. Na noite fomos 19 pessoas. No dia 26. Correu tudo mt bem, mas do cansaço não me livrei. Sem contar que tenho uma b ex bebé e fiz a comida sozinha e as sobremesas quase todas

    • Luísa Alexandra
      Dezembro 29, 2017

      Obrigada 🙂 Eu acho que só mesmo quem tem o trabalho todo é que sabe realmente o que custa. É tudo muito bonito e tal, mas a trabalheira que é cozinhar e depois ter que arrumar tudo é dose! 🙁

  • Fernanda Lopes
    Dezembro 29, 2017

    Bom dia Luísa, cá por casa também foi igual, já ha alguns anos que alternamos o natal e o ano novo, eu e a minha cunhada. Este ano foi o natal ( noite e dia) na minha casa. Fiz tudo sozinha, compras, comida e sobremesas. Ainda por cima a minha máquina avariou e foi tudo lavado à mão. Posso dizer-lhe que fiquei tao cansada que acabei por não usufruir do espírito do dia. No fim de tudo só agradeci, obrigada meu deus mais um ano e consegui. Estava tudo bom, tudo caseirinho. Só comprei pão de lo e bolo rei, o resto fiz, rabanadas, aletria, leite creme, arroz doce, torta de abóbora com amêndoas e nozes, tronco de natal, bolinhos de cenoura e uma estrela de natal em massa folhada. Na noite foi o tradicional bacalhau e no dia assado. E assim foi por cá o natal para 14 pessoas. UFA 😵😵😵😵

    • Luísa Alexandra
      Dezembro 29, 2017

      Olha que te fartaste de cozinhar! Não admira que tenhas ficado exausta 🙂 Beijinho!

  • Raquel Alabaça
    Dezembro 29, 2017

    Este ano a consoada também foi na minha casa. Só agora é que comecei a ter a casa limpa e organizada e eu preciso de sentir que tenho tudo controlado.
    Também perdi um pouco da magia do natal é sempre uma data marcada por momentos que já não vamos repetir com aqueles que já não estão entre nós. Mas temos que continuar e lutar um pouco contra este sentimento de vazio, por aqueles que dependem de nós.
    Faço votos que 2018 seja um ano de bons momentos para ti e para a tua família, que não vos falte boa saúde e amor.
    Beijinho.

    • Luísa Alexandra
      Dezembro 29, 2017

      Beijinhos e obrigada pelo apoio 🙂
      Tudo de bom para ti e para os teus 🙂

  • Luísa Azevedo e Silva
    Dezembro 29, 2017

    Bom dia, Luísa!
    Por cá também foi em minha casa o jantar de 24. Éramos só 10, mas também deu bastante trabalho antes, durante e depois… mas a comida estava toda boa (ainda bem, depois da trabalheira que deu!) e ajudou à animação o facto da minha filha mais nova só ter ainda 9 anos e dar outra magia a esta rotina 🙂
    Espero que andes mais animada, para ser esse o tom com que inicias o novo ano, rapariga, embora te compreenda perfeitamente: o meu pai faleceu a 15 de dezembro (1980) e esta época lembramo-nos sempre disso, nunca falha. Enfim.
    Beijinhos do Magoito

  • O diário da Inês
    Dezembro 29, 2017

    É inevitável não sentir a falta daqueles que sempre estiveram connosco. 🙁 Mas essa mesa de natal ficou linda e bem apetitosa. 🙂 Feliz 2018.

    O diário da Inês | Facebook | Instagram

  • Madalena
    Dezembro 29, 2017

    Como eu te entendo… Todos os anos faço sozinha noite da passagem e dia 1 inteiro, mas este ano cansei e não vou fazer. Perdi a minha mãe em Janeiro e deixou de fazer sentido, pelo menos este ano.
    Beijinhos e feliz ano novo!!!

  • Ana Casinha
    Dezembro 29, 2017

    Também me fartei de trabalhar aqui em casa, fiquei mesmo muito cansada também…mas tem de ser…quanto à falta que nos fazem aqueles que já partiram acho que fica sempre a saudade…Beijinho para si e um bom ano com muita saúde para todos.

    Ana

  • Angela
    Dezembro 30, 2017

    Olá Luisa
    O meu avô faleceu na noite de natal fez este ano dois anos…este dia será sempre marcado pela sua perda😔ele adorava ver os netos e os bisnetos a abrir as prendas! Tudo é diferente mas temos a alegria dos nossos filhos para apassiguar um pouco essa dor…
    Desejo-lhe um bom ano de 2018
    Beijinho
    Angela

  • Ana
    Dezembro 30, 2017

    Este ano foi tudo diferente, perdi a minha mãe de forma inesperada no inicio do ano, 😓, fui mãe novamente á 2 mês 😊.
    A noite e o dia de natal foram em minha casa, os afazeres na cozinha serviram para me distrair, mas tive ajuda e não fiz tudo sozinha.
    São sempre alturas dificeis.

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *