Cogumelos Salteados com Ovo e Arroz • Aproveitar Sobras de Arroz

Quinta-feira, Janeiro 18, 2018

 

Não é costume cozinhar em excesso.

O que preparo para uma refeição normalmente é tudo comido, mas claro que por vezes sobra alguma coisa, nomeadamente arroz ou massa.

Costumo guardar em caixas as sobras e sempre que possível aproveito em outras refeições.

É o caso desta que vos apresento hoje: cozinhei apenas para mim e optei por algo bem simples e reconfortante.

Tinha um grande cogumelo para aproveitar, sobras de arroz simples, ovos e mais umas coisas no frigorífico, num instante o almoço ficou feito!

Ando a tentar cozinhar mais com gorduras diferentes, como por exemplo óleo de coco, com muito bons resultados 🙂

 

Ingredientes:

| 1 Cogumelo [era bem grande]

| Óleo de Coco [Bio e Saudável do Continente]

| Orégãos

| 2 Ovos

| Flor de Sal

| Arroz Simples cozido [usei duas colheres de sopa]

 

| Croutons com Alho

| Hummus [do Pingo Doce]

 

Preparação:

Numa frigideira coloca-se um pouco de óleo de coco.

Junta-se o cogumelo cortado em pedaços e frita-se até dourar a gosto:

 

 

 

Tempera-se com umas pedras de flor de sal e orégãos.

Junta-se os ovos e o arroz e envolve-se tudo até ganhar consistência a gosto.

Servi com hummus e croutons:

 

 

 

 

Continente tem instagram e facebook do Bio e Saudável onde constantemente publicam várias sugestões bem fáceis de preparar com os seus produtos 🙂

Print Friendly, PDF & Email
3
3 Responses
  • Luísa Azevedo e Silva
    Janeiro 18, 2018

    Bom dia, Luisinha 🙂
    Também tenho dificuldade em desperdiçar comida e muitas vezes faço uma refeição completa para mim com restos ou sobras ou aproveitamentos (vou variando o que lhe chamo para ser mais sofisticado eheheh).
    Onde encontras o hummus no Pingo Doce: no frigorífico das saladas, dos lacticínios, da charcutaria? Lembras-te? Ontem andei lá à procura e não encontrei 🙁
    Obrigada

    • Luísa Alexandra
      Janeiro 18, 2018

      Aqui em Fátima o Hummus está na parte dos frescos, junto aos queijos.

      • Luísa Azevedo e Silva
        Janeiro 18, 2018

        Vou ver melhor, obrigada.

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *