Salsichas Frescas Salteadas com Bacon e Espirais

Sexta-feira, Outubro 12, 2018

 

O meu filho sempre foi muito esquisito com a comida.

No entanto, e como a idade cura tudo, principalmente a esquisitice 🙂 🙂 🙂 tem vindo a melhorar a olhos vistos nestes últimos tempos.

Não só ao nível da comida, mas em todos os aspectos.

Está muito mais sociável, mais divertido, mais aberto a novas experiências. Não posso dizer que foi um caminho fácil, pois a adolescência é uma altura muito complicada, não só para quem passa por ela [e todos nós já passámos por isso, uns mais facilmente, outros com mais problemas], mas é difícil principalmente para nós, Pais. É nesse aspecto que eu noto dificuldade.

Saber o que dizer e em que altura o fazer, que palavras de conforto usar quando é necessário ou reprimendas na correcta ocasião. Educar é um processo difícil, acho que é o maior desafio que os Pais enfrentam. Não se educa a permitir tudo, mas com certeza que também não se educa a proibir tudo! Ou a ameaçar, ou a reprimir tudo o que façam. Eu sempre fui muito liberal com os meus filhos, talvez permissiva demais, mas faço sempre o que o meu coração de Mãe acha que está correto, a maneira como as outras pessoas educam os filhos passa-me completamente ao lado, não sigo os exemplos de ninguém, não invejo ninguém, não critico ninguém. Cada um escolhe o que ensinar aos seus filhos, a maneira que os educa, que lhes dá amor. Não temos que ser todos iguais para educar bons seres humanos, temos é que fazer o que achamos correcto. Porque a partir do momento em que todos fizermos o mesmo, sem discutir, deixamos de ser humanos e passamos a ser máquinas programadas, sem sentimentos, sem emoções.

É o sentimento que nos torna únicos, especiais, diferentes 😉

E assim como eu não interfiro com as ideias das outras pessoas, não admito, de modo algum, que interfiram com a minha. Eu e o meu marido temos dois filhos, cabe-nos a nós dois fazer o que achamos melhor. E só mesmo nós dois temos voto na matéria 😉

O Pedro Octávio tem 17 anos, e está no 12.º ano.

Provavelmente daqui a um ano eu estarei a escrever um post acerca da sua ida para a universidade. E nessa altura a Mãe não estará lá para preparar o jantar todos os dias, por isso há que começar a aprender certas coisas básicas que todos conseguem fazer, haja vontade e haja fome!

Começamos com uma refeição que ele gosta bastante: salsichas frescas com bacon e massa.

Apesar de na foto parecer que é ele que está a cozinhar, não se iludam!!! 🙂 🙂 🙂

Ele viu como eu fiz e ajudou a envolver a massa no final, mas ainda não foi desta vez que preparou tudo sozinho. Mas também ainda temos muitos jantares para cozinhar até que isso seja necessário 😉 😉 😉

 

 

Ingredientes:

| Massa espirais, ou outra massa a gosto

| 1 dente de Alho

| Azeite

| Flor de Sal

 

| 2 Salsichas Frescas de Porco, ou Aves

| Bacon

| 1 Cebola pequena

| 1 dente de Alho

| Azeite

| Açafrão das Índias

| Pimentão Doce

| Flor de Sal

| Orégãos

| Vinho Branco

 

Preparação:

Cozinha-se a massa em água temperada com um fio de azeite, um dente de alho e umas pedras de flor de sal.

Quando estiver al dente apaga-se o lume, escorre-se a massa e reserva-se.

 

Num tacho coloca-se a cebola, o alho picados e um pouco de azeite..

Frita-se até alourar.

Junta-se o bacon cortado em tiras pequenas e as salsichas frescas cortadas em pedaços.

Tempera-se com um pouco de açafrão das Índias, pimentão doce, orégãos e flor de sal.

Deixa-se cozinhar até as salsichas ficarem a gosto, refrescando com um pouco de vinho branco se necessário.

No final junta-se a massa cozinhada.

Envolve-se delicadamente.

Acompanhei com uma salada de alface e  tomate cherry.

Simples e delicioso!

Já no prato juntou-se umas lascas de queijo Grana Padano, gosto muito deste que já compro em lascas, pronto a usar:
Print Friendly, PDF & Email
6
4 Responses
  • Margarida de Sousa
    Outubro 12, 2018

    Olá Luísa Alexandra,

    Gostei muito da receita. Prática para um jantar rápido.

    Beijinhos
    Margarida

    https://minhacasadopatio.blogspot.com/

  • Stef Guedes
    Outubro 12, 2018

    Ai Luísa como eu sei aquilo que falas. Tenho uma menina da idade da tua, nao sei se a tua ja esta na fase da “estupidez” como eu lhe chamo, mas a minha ja está a entrar e é como tu dizes, educar nao é facil, nada mesmo, agora percebo o que a minha mae dizia 😉

    Em relaçao ao Pedro Octavio isto tudo só lhe vai fazer bem, o meu irmao passou exatamente pelo mesmo, hoje tem 27 anos, mora num estudio sozinho e é ele que faz tudo em casa.

    Bjinhos e continuaçao de boas aulas de culinaria

    • Luísa Alexandra
      Outubro 12, 2018

      A minha ainda não entrou nessa fase, mas de certeza que em breve lá chega!!!!

O que você pensa?

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *